Notícia

26/04/2016
CPLP acompanha Eleições Presidenciais na Guiné Equatorial Voltar atrás
CPLP acompanha Eleições Presidenciais na Guiné Equatorial
Nota Informativa

Na sequência do convite das autoridades da Guiné Equatorial, a Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP) constituiu uma equipa de acompanhamento às Eleições Presidenciais de 24 de abril de 2016.

A equipa é chefiada pelo Representante Permanente de Timor-Leste junto da CPLP, Embaixador Antonito de Araújo, e integra, também, diplomatas das representações de Cabo Verde e São Tomé e Príncipe, e elementos do Secretariado Executivo, permanecendo na Guiné Equatorial entre os dias 22 e 26 de abril.

A equipa visitou mesas de voto nos distritos de Malabo, Baney e Luba, num total de 55 mesas, tendo constatado que o dia eleitoral decorreu conforme os procedimentos operacionais previstos para o efeito, designadamente no Manual de Instrução para os Membros das Mesas.

A votação decorreu de forma ordeira e pacífica, não havendo registo de incidentes. O ato eleitoral foi acompanhado de um visível dispositivo de segurança.

Nos locais visitados, os membros das mesas de voto demonstraram o necessário conhecimento sobre os procedimentos a seguir, o mesmo acontecendo com a generalidade dos eleitores.

Verificou-se que as mesas visitadas dispunham do material necessário ao seu bom funcionamento e ao exercício do voto por parte dos eleitores.

Quanto aos representantes dos candidatos, a equipa constatou a presença de delegados do PDGE (Partido Democrático da Guiné Equatorial) em todas as mesas visitadas, e a presença, em menor número de mesas, de delegados de outras candidaturas.

Nas deslocações efectuadas, constatou-se a predominância de elementos de campanha eleitoral do PDGE face às demais candidaturas.

A ação da equipa foi condicionada pela chegada tardia ao país, o que não permitiu o acompanhamento do ciclo eleitoral, designadamente do período de campanha, nem assegurar a cobertura da parte continental do território nacional. Por outro lado, a não disponibilização das listas das mesas de voto, em tempo útil, não permitiu a identificação atempada dos locais de acompanhamento do ato eleitoral.

A equipa agradece as condições logísticas colocadas à sua disposição, que facilitaram o seu trabalho de acompanhamento.

Malabo, 25 de abril de 2016

Fotografias




Vídeo



Mais Informações


Missões de Observação Eleitoral

Publicado a 26/4/2016
Voltar atrás
 
Boletim Electrónico
Subscreva newsletter
Preencher os campos obrigatorios *
Preencher os campos obrigatorios * Preencher os campos obrigatorios *

Iniciativas

Apoios

 

Acompanhe

 
Este site utiliza cookies, para uma melhor navegação. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização.