Notícia

31/10/2018
António Guterres recebeu «Prémio José Aparecido de Oliveira» em cerimónia Voltar atrás
António Guterres recebeu «Prémio José Aparecido de Oliveira» em cerimónia
Nota Informativa

A cerimónia de entrega do “Prémio José Aparecido de Oliveira” a António Guterres decorreu no dia 5 de novembro de 2018, na sede da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

 

A XII Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, decorrida nos dias 17 e 18 de julho de 2018, em Santa Maria, na ilha do Sal, em Cabo Verde, outorgou o “Prémio José Aparecido de Oliveira” ao Secretário Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), antigo Primeiro-ministro da República Portuguesa e ex-Alto-Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, Eng.º António Manuel de Oliveira Guterres. Recordemo-nos, António Guterres era, ainda, o Chefe de Governo da República Portuguesa na cimeira constitutiva da CPLP, a 17 de julho de 1996.

 

Os Chefes de Estado e de Governo na reunião de cúpula da CPLP, em julho de 2018, tomaram esta decisão “pela atuação singular, com projeção internacional, na defesa e promoção dos princípios e valores da CPLP, bem como pelo elevado contributo na promoção e difusão da Língua Portuguesa”.

 

O Regulamento do “Prémio José Aparecido de Oliveira” foi aprovado pela XVI Reunião Ordinária do Conselho de Ministros da CPLP, realizada em Luanda, em 22 de julho de 2011. O júri é composto pelos representantes dos Estados membros no Comité de Concertação Permanente (CCP) da CPLP, que aprecia, classifica e a quem compete a decisão da atribuição desta distinção.


O prémio foi “criado para recordar a ação empenhada do Embaixador José Aparecido de Oliveira, a qual marcou, de forma indelével, o surgimento da CPLP, convertendo em realidade um sonho acalentado pelos Povos dos Países de Língua Portuguesa, espalhados por quatro continentes, e fazendo do seu autor um arauto do futuro”.

Esta distinção foi atribuída pela primeira vez em 2012, em Maputo, ao antigo Presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, durante a IX Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP. Na segunda edição, na X Conferência de Chefes de Estado e de Governo, em julho de 2014, o prémio foi atribuído em ex aequo a Kay Rala Xanana Gusmão e à Igreja Católica Timorense, personalidade e instituição - Centro Episcopal de Timor-Leste. O “Prémio José Aparecido de Oliveira” foi ainda atribuído na XI Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, em 2016, em ex aequo, a Jorge Fernando Branco de Sampaio, antigo Presidente da República Portuguesa, a Carlos Lopes, ex-Secretário Executivo da Comissão Económica das Nações Unidas para África e a Lauro Barbosa da Silva Moreira, diplomata de carreira do Brasil e primeiro Representante Permanente junto à CPLP.

 

Áudio

 

Fotografias

18.11. Entrega do “Prémio José Aparecido de Oliveira” ao Secretário Geral da ONU

 

Vídeos

 

Intervenção da Secretária Executiva CPLP

 

Intervenção do Secretário Geral da ONU

 

Entrega do “Prémio José Aparecido de Oliveira” - Declarações à Imprensa

Publicado a 31/10/2018
Voltar atrás
 
Boletim Electrónico
Subscreva newsletter
Preencher os campos obrigatorios *
Preencher os campos obrigatorios * Preencher os campos obrigatorios *

Iniciativas

Apoios

 

Acompanhe

 
Este site utiliza cookies, para uma melhor navegação. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização.