Notícia

31/10/2018
António Guterres recebe «Prémio José Aparecido de Oliveira» Voltar atrás
António Guterres recebe «Prémio José Aparecido de Oliveira»
Nota Informativa

A cerimónia de entrega do “Prémio José Aparecido de Oliveira” a António Guterres decorre no dia 5 de novembro de 2018, na sede da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP).

 

A XII Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, decorrida nos dias 17 e 18 de julho de 2018, em Santa Maria, na ilha do Sal, em Cabo Verde, outorgou o “Prémio José Aparecido de Oliveira” ao Secretário Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), antigo Primeiro-ministro da República Portuguesa e ex-Alto-Comissário das Nações Unidas para os Refugiados, Eng.º António Manuel de Oliveira Guterres. Recordemo-nos, António Guterres era, ainda, o Chefe de Governo da República Portuguesa na cimeira constitutiva da CPLP, a 17 de julho de 1996.

 

Os Chefes de Estado e de Governo na reunião de cúpula da CPLP, em julho de 2018, tomaram esta decisão “pela atuação singular, com projeção internacional, na defesa e promoção dos princípios e valores da CPLP, bem como pelo elevado contributo na promoção e difusão da Língua Portuguesa”.

 

O Regulamento do “Prémio José Aparecido de Oliveira” foi aprovado pela XVI Reunião Ordinária do Conselho de Ministros da CPLP, realizada em Luanda, em 22 de julho de 2011. O júri é composto pelos representantes dos Estados membros no Comité de Concertação Permanente (CCP) da CPLP, que aprecia, classifica e a quem compete a decisão da atribuição desta distinção.


O prémio foi “criado para recordar a ação empenhada do Embaixador José Aparecido de Oliveira, a qual marcou, de forma indelével, o surgimento da CPLP, convertendo em realidade um sonho acalentado pelos Povos dos Países de Língua Portuguesa, espalhados por quatro continentes, e fazendo do seu autor um arauto do futuro”.

Esta distinção foi atribuída pela primeira vez em 2012, em Maputo, ao antigo Presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva, durante a IX Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP. Na segunda edição, na X Conferência de Chefes de Estado e de Governo, em julho de 2014, o prémio foi atribuído em ex aequo a Kay Rala Xanana Gusmão e à Igreja Católica Timorense, personalidade e instituição - Centro Episcopal de Timor-Leste. O “Prémio José Aparecido de Oliveira” foi ainda atribuído na XI Conferência de Chefes de Estado e de Governo da CPLP, em 2016, em ex aequo, a Jorge Fernando Branco de Sampaio, antigo Presidente da República Portuguesa, a Carlos Lopes, ex-Secretário Executivo da Comissão Económica das Nações Unidas para África e a Lauro Barbosa da Silva Moreira, diplomata de carreira do Brasil e primeiro Representante Permanente junto à CPLP.

 

Publicado a 31/10/2018
Voltar atrás
 
Boletim Electrónico
Subscreva newsletter
Preencher os campos obrigatorios *
Preencher os campos obrigatorios * Preencher os campos obrigatorios *

Iniciativas

Apoios

 

Acompanhe

 
Este site utiliza cookies, para uma melhor navegação. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização.