Notícia

01/09/2015
Reguladores de Energia reúnem em São Tomé Voltar atrás
Reguladores de Energia reúnem em São Tomé
Memorando
A Associação das Reguladoras de Energia dos Países da Língua Oficial Portuguesa (RELOP) reúne-se nos dias 02 e 03 de setembro, na República de São Tomé e Príncipe.

O ato da abertura das VII Assembleia Geral e VIII Conferência Anual da RELOP contará com a presença do ministro das Infra-estruturas, Recursos Naturais e Ambiente de São Tomé e Príncipe, Carlos Vila Nova. Entre os pontos em agenda para a VII Assembleia Geral constam a reflexão e estratégias sobre o desenvolvimento de programas e temas de abordagem, no quadro da cooperação e partilha de informação entre as entidades membros da RELOP. Na reunião será igualmente apresentada a declaração de Cascais (Portugal) deste ano, saída do encontro de Ministros da Energia da CPLP e identificação de modalidades para o melhor estreitamento e inserção das entidades membros da RELOP no apoio e desenvolvimento das Políticas definidas. Outro assunto a ser discutido será o ponto de situação de trabalhos relativo ao “Estudo Comparativo da Legislação do Sector Energético nos Estados membros da RELOP, assim como a apreciação e deliberação sobre a adesão de novas entidades reguladoras.

De acordo com o programa, a VIII Conferência Anual da RELOP está dividida em quatro painéis, designadamente Política para o sector energético na CPLP, Regulação no sector dos petróleos, estado e perspectivas da regulação, visão dos reguladores nos países de língua oficial portuguesa e a experiências e novos rumos da regulação na CPLP.

A RELOP foi constituída por ocasião da realização, no dia 29 de Maio de 2008, em Lisboa, da Conferência sob o tema “Regulação de Energia nos Países de Língua Oficial Portuguesa”. São entidades membros da RELOP, o Instituto Regulador do Sector Eléctrico de Angola (IRSE), Agência Nacional de Energia Eléctrica do Brasil (ANEEL), Agência de Petróleos, Gás Natural e Biocombustíveis do Brasil (ANP), Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos de Portugal (ERSE), a Agência de Regulação Económica de Cabo Verde (ARE), a Autoridade Geral de Regulação de São Tomé e Príncipe (AGER) e o Conselho Nacional de Electricidade de Moçambique (CNELEC).

A decisão de São Tomé albergar o evento foi tomada por ocasião dos trabalhos da VI Assembleia Geral, ocorrida na cidade de Praia, em Cabo Verde, em Setembro de 2014.

Mais Informações:

RELOP

Publicado a 1/9/2015
Voltar atrás
 
Boletim Electrónico
Subscreva newsletter
Preencher os campos obrigatorios *
Preencher os campos obrigatorios * Preencher os campos obrigatorios *

Iniciativas

Apoios

 

Acompanhe

 
Este site utiliza cookies, para uma melhor navegação. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização.