Notícia

10/10/2019
Missão de Observação Eleitoral inicia encontros em Moçambique Voltar atrás
Missão de Observação Eleitoral inicia encontros em Moçambique
Nota Informativa

O Chefe da Missão de Observação Eleitoral da CPLP (MOE-CPLP) às Eleições Presidenciais, Legislativas e das Assembleias Provinciais na República de Moçambique, Lopo do Nascimento, iniciou uma série de encontros no dia 10 de outubro de 2019, reunindo-se de manhã com o Presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE), Abdul Carimo, em Maputo.

 

Na CNE, o presidente Abdul Carimo explicou o decurso do processo eleitoral, destacou alguns acontecimentos neste Estado-membro nos últimos meses, como as passagens dos ciclones Idai e Kenneth, que “condicionaram o início do processo”, a assinatura do Acordo de Paz entre a FRELIMO e RENAMO, no passado mês de agosto, e esclareceu dúvidas dos observadores.

 

Ainda na manhã do dia 10 de outubro, os Observadores da MOE-CPLP reuniram-se com os representantes diplomáticos dos Estados-membros acreditados em Moçambique, para uma troca de impressões sobre a realidade política e social do país durante o processo eleitoral. Neste encontro, participaram o Ministro Conselheiro da Embaixada de Angola, Mário Miguel, o Ministro Conselheiro da Embaixada do Brasil, Jonas Ferreira, o Segundo Secretário da Embaixada da Guiné Equatorial, Mbemba, e a Embaixadora de Portugal, Maria Amélia Paiva.

 

A convite do Ministério dos Negócios Estrangeiros e Cooperação de Moçambique (MNEC), Lopo do Nascimento participou num encontro entre o ministro moçambicano José Pacheco e os Chefes de Missões de Observação Eleitoral.

 

No encontro sobre a observação eleitoral, o Ministro dos Negócios Estrangeiros e Cooperação referiu-se na sua intervenção aos direitos e deveres dos Observadores Eleitorais Internacionais, afirmando que “o Governo considera que estão criadas as condições básicas para que a votação e apuramento dos resultados eleitorais decorram de conformidade com a legislação eleitoral e num ambiente de normal funcionamento dos órgãos eleitorais competentes” e que, através do MNEC, “reitera o seu compromisso de apoiar as atividades dos observadores eleitorais em coordenação com os órgãos eleitorais nacionais.

 

A MOE- CPLP às Eleições Presidenciais, Legislativas e das Assembleias Provinciais em Moçambique, marcadas para 15 de outubro, é constituída por 16 observadores, designados pelos Estados-Membros da Organização e funcionários do Secretariado Executivo, e permanece em Moçambique entre os dias 9 e 18 de outubro de 2019.

 

Fotografias

 

19.10. Missão de Observação Eleitoral da CPLP às Eleições Gerais, Legislativas e Provinciais de Moçambique

 

Áudio - Declarações Chefe MOE-CPLP após CNE

Publicado a 10/10/2019
Voltar atrás
 
Boletim Electrónico
Subscreva newsletter
Preencher os campos obrigatorios *
Preencher os campos obrigatorios * Preencher os campos obrigatorios *

Iniciativas

Apoios

 

Acompanhe

 
Este site utiliza cookies, para uma melhor navegação. Ao continuar a navegar estará a aceitar a sua utilização.